A laranja controla o diabetes

Pacientes com Diabetes precisam tomar muito cuidado com a alimentação. A dieta para diabéticos deve ser planejada e equilibrada, evitando alimentos com muito açúcar. Surge, então, a dúvida se frutas ricas em açúcar, como a laranja, também devem ser evitadas.

A laranja não precisa ser cortada da dieta e também não é necessariamente prejudicial para diabéticos. No entanto, seu consumo deve ser controlado.

A Laranja é rica em fibras, uma característica importante nos alimentos para diabéticos, pois ajuda a controlar a glicemia do paciente, a reduzir o colesterol e a regularizar o funcionamento do intestino.

Além disso, também é famosa por ser fonte de vitamina C, que possui propriedades antioxidantes. Com isso, a laranja reduz o mal causado por radicais livres e combate doenças cardiovasculares.

A vitamina C também melhora o sistema imunológico, ajudando a prevenir e combater infecções.

Outro ponto positivo da laranja é seu alto teor de cálcio e potássio, que contribuem para a saúde de nossos ossos e no combate a pressão alta, respectivamente.

Em resumo, a laranja é uma fruta com muitos benefícios para a saúde e, por isso, não deveria ser cortada completamente da alimentação de um diabético.

Cuidado ao consumir Suco de Laranja

O suco de laranja, por outro lado, é mais perigoso. Parte do controle na alimentação de um diabético está relacionado à maneira que o indivíduo consome cada alimento. Consumir uma porção pequena de fruta fresca não é um problema para a saúde de um diabético, mas uma porção maior ou um suco de fruta concentrado pode ser.

As pessoas tendem a acreditar que tudo o que é natural deve ser benéfico para a saúde, mas isso não é necessariamente verdade. Embora os sucos industrializados sejam, de fato, muito menos nutritivos, um suco natural também pode ser maléfico, dependendo do quadro do paciente.

A verdade é que um suco de fruta pode concentrar uma quantidade superior de calorias do que uma porção de fruta, por exemplo. Logo, o paciente consome o suco acreditando que é um alimento leve, mas está ingerindo uma quantidade de açúcar superior ao recomendado.

Como mencionado anteriormente, a alimentação de um paciente com diabetes deve ser controlada. Cada refeição tem um horário certo e uma quantidade específica de carboidratos que podem ser consumidos.

As frutas também devem respeitar essa regra. Por isso, é feita uma contagem de carboidratos. Uma laranja, por exemplo, tem cerca de 15 g de carboidrato. O suco concentrado utiliza mais de uma fruta, por isso, a contagem de carboidratos de um copo de suco de laranja deve ser de aproximadamente 30 a 40 g, pelo menos.

Levando em consideração que a metabolização do carboidrato o transforma em açúcar, é fácil entender como um copo de suco de laranja pode aumentar rapidamente a glicemia de um indivíduo.

Isso não precisa ser levado apenas como uma contraindicação ao suco de laranja. Em caso de hipoglicemia, por exemplo, que ocorre quando o nível de açúcar do sangue está muito baixo, o suco de laranja é indicado, pois pode reverter a situação rapidamente.

Contudo, é preciso pensar cuidadosamente se o suco de laranja se encaixa na contagem de carboidratos de cada refeição, para evitar que a taxa glicêmica suba demais.

Em uma refeição completa como o almoço, por exemplo, existem outros carboidratos além do suco. Logo, não é nada recomendado acompanhar uma refeição com suco de laranja e, caso você deseje consumir a fruta, dê preferência para a ingestão dela fresca e sólida, não em forma de suco.

Fonte: Prodiabeticos

A laranja controla o diabetes
Classificado como:            

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *