Fruta – Ciriguela

Nome da fruta: Ciriguela

Nome científico: Spondias purpurea L.

Família botânica: Anacardiaceae

Categoria:

Origem: América do Sul e América Central

Características da planta: Árvore geralmente com 8 metros de altura, copa baixa, rastejante. Folhas compostas, lisas de coloração verde intenso. Flores pequenas, alvas.

Fruto: Tipo drupa, alongado, de coloração pupúrea ou com listras e manchas amarelas. polpa amarela, aromática envolvendo uma semente.

Frutificação: Durante o ano todo no Nordeste brasileiro

Propagação: Semente

A ciriguela ganhou a fama de ser, ilustre e merecidamente, a mais saborosa entre as frutas de sua família. E não se trata de uma família qualquer, e sim das tão prezadas Anacardiácias do gênero Spondias, à qual pertencem também o umbu, o cajá e o cajá-manga. Fama merecida por ser a menos ácida de todas elas, podendo ser consumida ao natural sem qualquer ressalva, lábios crispados ou rosto retorcido, não necessitando a adição de açúcar.

Assim, em diversos pontos do Noredeste, a ciriguela ganhou prestígio entre habitantes locais e turistas. Nas filas de espera da balsa de Salvador para a ilha de Itapiraca, por exemplo, contrastando com a paisagem do mar azul da Bahia, é frequente a presença de meninos vendendo saquinhos cheios de frutas elípticas, avermelhadas com manchas amarelas. São as gostosas ciriguelas oferecendo-se para deleite e refresco dos passageiros, que muitas vezes ali a vêem pela primeira vez.

Essa não é, porém, a única de suas qualidades. A elegante árvore da ciriguela, em fruta ou em flor, é também deleite para o olhar. As frutas ficam dispostas ao longo dos ramos das árvore, que tem o tronco retorcido e a copa rastejante, sendo pontilhada de pequenas flores brancas e isoladas. Originária da América Tropical, a cirigueleira pode ser encontrada desde a América Central até o Rio de Janeiro. Atualmente, ela tem espaço garantido na ornamentação de jardins e praças, sendo mais e mais apreciada e aproveitada por paisagistas e urbanistas. Na ornamentação, traz ainda um benefício secundário: ao seu redor circulam diversas espécies da avifauna atraídas pelo aroma de seus frutos adocicados.

A casca lisa e brilhante da ciriguela, quando madura, reveste uma polpa farta de um amarelo forte. Dessa polpa podem-se fazer sucos, licores, sorvetes, doces e o que mais se inventar. Nos últimos anos, por exemplo, difundiu-se com grande sucesso a caipirinha de ciriguela, preparada com a adição de cachaça ou vodca à fruta levemente amassada com açúcar.

Embora seja a cada dia mais apreciada por todo Brasil, Inclusive nos grandes centros do Sudeste, a ciriguela pode ser encontrada com facilidade apenas nas feiras do Norte e Nordeste do país, sendo o aproveitamento da fruta muito aquém de seu potencial comercial.

Fonte: Frutas Brasil Frutas

Artigos relacionados:


 

Design © 2006 por the undersigned | Patrocinador: Weber Poker Tables| Tradução por: BlogueIsso!