Category Archives: Tamarillo

Fruta – Tamarillo

Nome da fruta: Tamarillo

Nome científico: Ciphomandra betacea (Cav.) Sendt.

Família botânica: Solanaceae

Categoria:

Origem: Peru – região andina até o México

Características da planta: Arbusto geralmente de até 3 metros de altura. Folhas ovais com bordos recortados, aromáticas quando maceradas. Flores pequenas, pétalas alvas com manchas róseo-arroxeadas nas pontas.

Fruto: Tipo baga, oval alongado, casca lisa e brilhante, de coloração vermelha, variando do vermelho-carmim até o roxo, apresenta também variedades alaranjadas. Polpa alaranjada, gelatinosa, de sabor adocicado ligeiramente amargo, envolvendo numerosas sementes.

Frutificação: Verão, porém durante o ano todo quando cultivado

Propagação: Semente

Pequenas flores rosadas vão pouco a pouco ganhando consistência e se esverdeando, para logo se converterem nos frutos do tamarillo. O verde, no entanto, também vai se perdendo, amarelando-se, alaranjando-se, até que se pode vislumbrar um fruto vermelho, brilhante, pendurado por um pedúnculo longo e fino. Impossível não reconhecer um fruto que lhe é extremamente semelhante: estamos diante do tomate-de-árvore, como também é conhecido o tamarillo no Brasil.

Esse arbusto de aspecto frágil, que alcança no máximo a altura de 3 metros, carrega um fruto que, por mais desconhecido que seja no Brasil, teve e mantém a importância em outras partes do planeta.

Desde bem antes da chegada dos europeus à América, o tomate-de-árvore era cultivado pelos incas em hortas acima de mil metros de altitude, onde se adaptou e parece frutificar com facilidade. Hoje, continua sendo muito apreciado no Peru e no Equador, mas disseminou-se em outros países, mais longínquos, sendo cultivado e muito apreciado na Nova Zelândia, nos Estados Unidos, na Indonésia e no sul da Índia.

Em alguns desses países, inclusive, desenvolveram-se diferentes cultivares da planta, com aspectos e coloração também diferentes, de acordo com as necessidades do mercado e a adequação aos ambientes locais. São, por exemplo: no Equador, a variedade conhecida como Laranja Equatoriana (alaranjada); na Nova Zelândia, a Mina de Ouro (amarela) e a Ruby Red (vermelho intenso); no Peru, a Inca (amarelo-avermelhada); nos EUA, a Otatia Red (vermelha) e Rothamer (amarelo-dourada).

No Brasil, ainda que exista e se encontre bem adaptada a Amazônia, o tamarillo disponível à venda é quase totalmente proveniente de importações, podendo ser encontrado apenas em supermercados sofisticados das regiões Sul e Sudeste.

Planta da grande e variada família das Solanáceas, à qual pertencem também o próprio tomate, o camapu, a batata e a berinjela, a fruta tem aroma sutil e sabor levemente amargo. Por esse motivo, o tamarillo pode ser consumido ao natural, tanto doce como salgado, sendo servido com sorvete, creme de leite, mel e açúcar, ou como salada com sal e pimenta. Dele podem-se preparar também doces, geléias e compotas. Todos são produtos bastante apreciados e que tem consumidores espalhados por todos os países do mundo.

Fonte: Livro Frutas Brasil Frutas