Arquivo da tag: potássio

Conheça os benefícios do açaí

O açaí possui ferro, magnésio, cálcio, manganês, potássio e também é antioxidante. O açai é indicado também para dietas, pois acelera o metabolismo do corpo. Mas atenção, é o açaí puro, nada de ficar misturando mil coisas dentro dele!

Conheça os benefícios do açaí

O açaí retarda o envelhecimento. Os antioxidantes existentes no açaí ajudam a diminuir os efeitos do envelhecimento. Os flavonóides e as antocianinas presentes no açaí protegem as células do corpo e podem reduzir a degeneração delas.

O açaí ajuda a prevenir o câncer. Graças novamente as antocianinas, o açaí pode ter um efeito preventivo contra o câncer.

O açaí diminui o colesterol. Novamente as antocianinas presentes no açaí também ajudam a diminuir o LDL, que é o mau colesterol.

O açaí ajuda o coração. O suco de açaí ajuda a proteger contra a aterosclerose, que é o endurecimento das artérias.

O açaí é rico em antioxidantes. Os antioxidantes presentes no açaí combatem os radicais livres, evitando várias doenças.

O açaí é uma boa fonte de energia. Graças a sua alta concentração de carboidratos, ele é ideal para quem pratica atividades físicas. Ele também ajuda na regeneração muscular, graças aos aminoácidos presentes nele.

O açaí previne câimbras. Graças a sua alta concentração de potássio, o açaí é ótimo para evitar câimbras durante a atividade física.

Os benefícios da framboesa

Os benefícios da framboesa

Vantagens do consumo de framboesa:

  • Excelente fonte de vitamina C
  • Contém boas quantidades de ácido fólico, ferro e potássio
  • Fornece bioflavanóides, que podem proteger contra o câncer
  • Rica em fibras

Desvantagens no consumo de framboesa:

  • Contém salicilato natural que pode causar reação alérgica em pessoas sensíveis à aspirina
  • Contém ácido oxálico que pode agravar as pedras nos rins e na bexiga em pessoas suscetíveis

As framboesas – silvestres ou cultivadas – têm poucas calorias e são ricas em vitamina C.

Uma xícara de framboesas contém 60 calorias e 30 mg de vitamina C (80% da IDR). Também fornece 30 mcg (microgramas) de folato, 190 mg de potássio, e uma pequena quantidade de ferro. O conteúdo de vitamina C aumenta a absorção de ferro, embora isso possa ser desequilibrado pelo ácido oxálico presente na framboesa, que se liga a esse mineral.

Uma xícara de framboesas frescas contém 7 g de fibras. As sementes da framboesa fornecem fibras insolúveis, que ajudam a prevenir a prisão de ventre. A fruta também é rica em pectina, uma forma de fibra solúvel que contribui para controlar os níveis de colesterol no sangue. Além disso, as framboesas contêm antocianinas, um pigmento antioxidante vegetal que pode ajudar a prevenir doenças cardíacas e câncer, assim como o ácido elágico, outra substância que combate o câncer. O cozimento não destrói o ácido elágico.

A framboesa se deteriora mais rapidamente do que outras frutas silvestres devido à sua estrutura delicada e seu interior oco. Uma vez colhida, a framboesa deve ser consumida quanto antes. Caso congelada, conserva-se por até um ano.

Framboesas cultivadas podem ser encontradas o ano todo em lojas especializadas, e durante sua época, em muitos supermercados. Antes de comprar framboesas, verifique se todas, não apenas as da parte de cima, estão em boas condições. Mesmo assim, mofam rapidamente e devem ser consumidas em 24 horas.

Frutas silvestres muitas vezes provocam reações alérgicas, e as framboesas não fogem à regra. Pessoas sensíveis à aspirina podem também apresentar reações às framboesas, pois contêm um salicilato natural, similar ao principal ingrediente da aspirina. O ácido oxálico pode precipitar pedras nos rins ou na bexiga em pessoas suscetíveis. Mas seria necessária uma grande quantidade de framboesas para desencadear tais problemas.

Valor nutricional da framboesa

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL
Porção de 100 gramas (medida caseira)
NUTRIENTE VALOR % VD
Valor calórico (kcal) 57,0 2,3
Carboidratos (g) 13,20 3,52
Proteínas (g) 1,20 2,40
Gorduras totais (g) 13,20 16,50
Gorduras saturadas (g) 0,00 0,00
Colesterol (mg) 0,00 0,00
Fibra alimentar (g) 3,90 13,00
Cálcio (mg) 34,0 4,25
Ferro (mg) 2,0 14,3
Sódio (mg) 3,0 0,1

Fonte: Livro Alimentos Saudáveis Alimentos Perigosos

Fonte da Tabela: Frutamil

Os benefícios no consumo de figo

Os benefícios no consumo de figo

Vantagens no consumo de figo:

  • Uma fonte rica em potássio, cálcio e ferro
  • Rico em fibras

Desvantagens no consumo de figo:

  • Figos frescos estragam rapidamente
  • Figos secos são muito calóricos. Seu alto teor de açúcar e sua aderência contribuem para a formação de cáries
  • O figo pode causar diarréia
  • O figo pode ser contaminado por mofos e suas toxinas

Presentes na dieta mediterrânea por pelo menos 6000 anos, os figos foram fonte importante de açúcar. Não são frutos, mas sim receptáculos de flores em galhos desfolhados. As verdadeiras frutas são os aquênios, semelhantes à semente, que se desenvolvem junto às imperceptíveis flores dentro do bulbo polpudo.

Nem as abelhas nem o vento contribuem para a polinização dos figos. Uma única espécie de vespa, com apenas 3 mm de comprimento, poliminiza as flores quando entra e sai por um pequeno poro na ponta arredondada do figo. Os produtores de figo dependem dessa relação simbiótica e a estimulam amarrando figos silvestres que contenham ovos das vespas aos galhos das figueiras. Esse método de garantir a fertilização vem sendo usado desde a Antiguidade, quando foi relatado pela primeira vez por um discípulo de Aristóteles.

Tradicionalmente, os figos eram amadurecidos esfregando óleo na casca, o que estimulava o agente de amadurecimento – o etileno. Muitos produtores de figo não utilizam mais essa prática, pois ela compromete o sabor da fruta.

Como os figos frescos normalmente ficam machucados e estragam com rapidez, a maior parte da produção é usada seca ou enlatada. Embora rico em calorias – 180 em cinco pedaços -, o figo seco é um lanche nutritivo, contribuindo com 15% ou mais da Ingestão Diária Recomendada (IDR) de cálcio e 8% da IDR de 15% do ferro, bem como de 6 g de fibras e quantidades razoáveis de vitamina B6. Consumir figos com frutas cítricas ou outra fonte de vitamina C aumenta a absorvição de ferro.

Examine os figos cuidadosamente antes de comprá-los. Os frutos devem estar macios, mas não passados, sem nenhum amassado ou sinais de mofo.

Tanto os figos frescos como os secos são ricos em pectina, uma fibra solúvel que ajuda a reduzir o colesterol no sangue. Os figos também têm efeito laxativo, portanto são especialmente benéficos para pessoas que sofrem de prisão de ventre crônica. Para outras pessoas, entretanto, o excesso pode provocar diarréia.

Barrinhas de figo são muito nutritivas e têm menos gordura e açúcar do que a maioria dos biscoitos; duas barrinhas contêm menos de 100 calorias. Como tende a grudar nos dentes – como os figo secos -, é importante escová-los depois de comer.

Valor nutricional do figo:

Nutrientes (em 100 g)

Unidade

Quantidade

Próximos
Água

g

28.4

Calorias

kcal

255.0

Carboidratos

g

65.4

Proteina

g

3.1

Gordura

g

1.2

Fibra

g

12.2

Cinza

g

2.0

Minerais
Calcio

mg

144.0

Ferro

mg

2.2

Magnésio

mg

59.0

Fósforo

mg

68.0

Potássio

mg

712.0

Sódio

mg

11.0

Zinco

mg

0.5

Cobre

mg

0.3

Manganés

mg

0.4

Vitaminas
Vitamina C

mg

0.8

Thiamina (B1)

mg

0.1

Riboflavina (B2)

mg

0.1

Niacina

mg

0.7

Ácido “Pantothenic”

mg

0.4

Vitamina B6

mg

0.2

“Folate”

mcg

7.5

Vitamina B12

mcg

0.0

Vitamina E

mg

0.0

Fonte da tabela: calusnefarms

Fonte: Livro Alimentos Saudáveis Alimentos Perigosos